quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

coisinhas fofinhas que não têm a ver com nada

Isto uma pessoa lê o que escreve à noite e apercebe-se dos efeitos secundários de escrever com sono:

E eu hei-de ser uma profissional brutal, de tal forma que hei-de conseguir trabalhar só 4 horas por dia como aqueles bombons da revista Gingko...

LOL, eu devia estar mesmo a sonhar -.- 
Continuo completamente histérica por dentro com tudo isto. Hoje não me apetece fazer mais nada para além de me enfardar com comida que só faz mal, mas que sabe tão bem... Já ando a pensar no meu aniversário. Este ano, vai ser com poucos. Queria uma coisa mais familiar. Afinal, a união e a amizade sempre foi pelo que mais lutei e quando são muitos, o pessoal dispersa-se. Assim, quero comigo apenas os que de certa forma já deixaram uma marca mesmo profunda para a vida e que, se Deus quiser, irão continuar comigo ou em mim durante muito, muito mais tempo :)

Para mim, é a melhor maneira de passar para a idade "adulta". Apenas com os melhores. Apenas com os que quero realmente para a vida inteira :) 


2 comentários:

Anónimo disse...

Ola tudo bem Desculpa estar a falar ctg sem te conhecer. Eu vi que estavas a procura de informaçoes sobre Budapeste . Eu tbm ando porque se calhar vou para la de erasmus . TEns tudo muitas informações ?

Desculpa mmeter me assim e que se for para eramus vou dia 4 ou 5 de fevereiro e ainda n tratei de nada.

SE responderes podess responder para aqui ou para o e-mail ? simaodamasceno@hotmail.com

Obrigado

Marga disse...

É impossível, segundo o que sei, ires de Erasmus já em Fevereiro se ainda não trataste de nada... Uma rapariga de um blog que eu leio vai de Erasmus para França e teve de adiar para o semestre seguinte porque só tratou das coisas no último mês ou lá o que foi e há muita burocracia. Eu já ando a ver disso e ainda nem comecei a faculdade, por isso acho que o melhor sítio para procurares informações será na faculdade onde estás.

Erasmus não é uma viagenzita que se combina de uma semana para a outra, por isso talvez seja melhor ires falar com as entidades que te podem dar informação segura, tanto do que tens de tratar em termos de papelada como sobre as universidades dos países parceiros. As universidades parceiras da tua faculdade ;)

Boa sorte