sexta-feira, 27 de julho de 2012

depois da guerra.


As cicatrizes falam mais alto que a lâmina da espada que as causou.
(Paulo Coelho)

Na verdade, só nós determinamos o que as feridas fazem de nós: vítimas ou guerreiros. Somos nós que determinamos se a dor nos torna mais fortes ou mais vulneráveis. E somos nós, somente nós, que escolhemos resignar-nos a danos irreversíveis ou se saímos à luta por algo melhor.

É sempre a nossa cura, mais do que a nossa guerra, que conta uma história que vale a pena ser ouvida.

1 comentário:

branwyn disse...

É verdade! Gostei muito :)