segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

do meu belo aniversário :)

Pois é... Já tenho 20 aninhos, feitos há dois dias! Já são duas décadas que completo com o maior dos sorrisos na cara, com um enorme orgulho nas minhas conquistas e em todas as pessoas que decidi deixar entrar e manter na minha vida. O meu dia começou com um concerto do meu primo que, depois de cantar a Iris dos Goo Goo Dolls, contou ao público que a primeira vez que tinha tocado aquela música em concerto foi comigo e pediu para que todos me cantassem os parabéns. Mais uma vez, foi um óptimo concerto e uma óptima maneira de começar o meu aniversário.

O meu dia de anos é talvez o que gosto mais em todo ano. É o dia em que mais me sinto acarinhada por todos, em que noto o quanto cresci, o quanto tudo mudou e o quanto me mantive fiel a mim mesma. É um dia em que adoro estar rodeada de família e amigos, de quem me quer bem e de quem me faz bem. 

Por isso, a parte da tarde foi dedicada à família e a da noite aos amigos. 

Bolo feito pela minha avó para a festinha com a família
Enquanto a tarde foi passada em casa a brincar com as minhas primas chinesas, a noite foi passada a divertir-me com os meus amigos. Tive uma enorme ajuda do meu menino a organizar tudo e a dizer para me ir divertir, que ele tratava das coisas. Foi mesmo impecável, como é sempre. 

Dançou-se, cantou-se e comeu-se muito. Muitas das pessoas que foram não conheciam muita gente, pois eu sempre tive grupos de amigos diferentes, mas isso só tornou a coisa mais gira. Conheceram-se e deram-se bem, tornando a noite bem divertida!





A vela improvisada por esquecimento das verdadeiras (mas esta apaga-se com um sopro à mesma!)

No dia seguinte, fui trabalhar a fazer inquéritos a turistas em Belém, mal sabia o que me esperava à noite. Outra prenda do meu menino (já perdi a conta à quantidade de prendas que ele me deu ahah). 

Tudo começou quando a minha irmã, do nada, entra no meu quarto com um saquinho daqueles que dão música bonita, com as chaves da minha casa antiga lá dentro. Troll como sou, achava que o importante ali era a música e não liguei nenhuma às chaves LOL. De repente a minha mãe chama-me e diz para eu ir à porta. Claro que era ele e claro que só aí é que percebi que aquela prenda talvez fosse dele. Fui buscá-lo e fiquei completamente à toa, porque toda a gente, menos eu, sabia o que se estava a passar. Ele leva-me, a pé, à minha casa antiga e num dos quartos do andar de cima, está uma cama improvisada com mantas e sacos cama e o quarto cheio de velas. 

Fiquei parva. Estava o ambiente perfeito, acolhedor e quentinho. Com a pessoa que mais amo. E qual é a primeira coisa que faço quando experimento a cama? Adormeço. LOOL Para acordar uma hora depois, jantar, ver um filme agarradinha a ele e adormecer outra vez. Claro que na manhã seguinte, em que devíamos levantar-nos às 7h30 fizemos gazeta e ficámos na cama (aka chão do quarto) até ás 10h.

Enfim, foi perfeito :) Desculpem o testamento mas tinha de vos contar!

E vocês? Como foi o vosso fim-de-semana?


4 comentários:

From now on, please, call me Tinkerbell* disse...

Parabéns pela maravilha de se fazer anos no melhor mês do ano! :D ahahah Um beijinho, tudo de bom*

Adriana disse...

muitos parabéns! :) (atrasados)
tiveste um dia em cheio e que bolo bonito! :)
beijinhos*

teardrop disse...

Muitos parabéns, que o resto do ano seja tão feliz quanto o dia de aniversário! Beijinhos

Mimi In Love disse...

Parabens... Esse teu bolo é para la de maravilhoso XD ***************