segunda-feira, 29 de julho de 2013

viver com ele :)

Viver com ele está a ser ainda melhor do que esperava. Apesar de o nosso quarto ser um bocado manhoso, vamos conseguindo dar um jeito nisto e ter uma boa convivência. Sempre fui da opinião de que ninguém se devia casar sem estar a viver primeiro com a pessoa. É diferente vermos uma pessoa umas horas por dia, se é que se vêem todos os dias, e até mesmo viajar um mês com ela de viver com alguém, por vezes 24h sobre 24h. 

Viver com alguém implica que se determinem algumas regras, que nos adaptemos um ao outro, que haja respeito pelo outro e que haja uma divisão justa nas tarefas. Até porque, passado algum tempo, as mínimas coisas começam a irritar: uma tampa de sanita levantada, uns cabelos no chuveiro, coisas desarrumadas, roupa por lavar, etc. Às vezes até descobrimos coisas da personalidade da outra pessoa que não conhecíamos até então. Penso que quando se vive com alguém é que começamos a ter certezas seja do que for. 

Por vezes viver com alguém faz-nos cansar dessa pessoa, o que felizmente não é o meu caso. Estamos a aprender os tempos de cada um. O tempo para estar na palhaçada, o tempo para deixar em paz, o tempo para conversar e o tempo para nós mesmos, que também é importante. E viver com ele é tão bom… Sabe tão bem acordar com um beijo e festinhas, adormecer de mãos dadas, dar abraços de urso depois de uma boa conversa, ver um bom filme juntos, contar histórias engraçadas do dia… 

Cada vez mais sinto que ele não é apenas um namorado. É um amigo, o meu melhor amigo. Acima de tudo, um companheiro de vida que eu amo do fundo do meu coração.

2 comentários:

Márcia V. disse...

Parece que encontraste nele a tua alma gémea :)
Estarem a viver juntos agora só vai fortalecer a vossa relação.

Márcia V. disse...

Parece que encontraste nele a tua alma gémea :)
Estarem a viver juntos agora só vai fortalecer a vossa relação.